Ex-ministro morre no interior de São Paulo

Band | Cadastrada em: 29/04/2013 às 10:26:34 | Atualizada: 29/04/2013 às 10:26:34

Saulo Ramos atuou no governo do ex-presidente José Sarney e também foi advogado do Senado

Ex-ministro da Justiça, ex-consultor-geral da República, jurista e escritor, Saulo Ramos, de 83 anos, morreu no último domingo, no interior de São Paulo. Ramos, que nasceu em Brodowski, sofria de problemas cardíacos e fazia hemodiálise. A morte dele foi lamentada pelo governo de São Paulo, que divulgou nota de pesar.

"É com tristeza que recebemos a notícia do falecimento do ex-ministro da Justiça José Saulo Pereira Ramos. Jurista refinado e exemplar, teve participação fundamental no processo de restauração da democracia e do estado de direito no país. Nossos sentimentos e orações à família". A nota foi publicada no site do governo do estado.

Saulo Ramos foi ministro do governo do ex-presidente José Sarney e também atuou como advogado do Senado. Na relação de livros que escreveu, destacam-se Código da Vida, Café – Poesia da Terra e das Enxadas, além de Divórcio à Brasileira. Na obra Código da Vida, ele diz que é sua biografia e relata uma série de fatos políticos.

Em setembro de 2011, Saulo Ramos participou do 5º Seminário Brasileiro sobre Advocacia Pública Federal, que contou com a presença do vice-presidente Michel Temer e do ministro-chefe da Advocacia-Geral da União, Luís Inácio Lucena Adams. No passado, conseguiu vencer um câncer.

Melhor visualizado 1024x768